Uma empresa, por menor que seja, requer vários processos para continuar funcionando e, principalmente, crescendo. Já se foi o tempo de manter o controle de todos eles no papel, ou mesmo em planilhas no computador. Hoje em dia, existem programas dedicados para auxiliar até mesmo microempresas a um preço acessível: os sistemas de gestão.

Mas o que é isso? Um sistema de gestão é um programa de computador que vai manter o controle do financeiro, das vendas e compras, do estoque, e emitir notas fiscais, além de integrar os diferentes setores da empresa e outras funções.

Um empresário pode até argumentar que a forma com que ele gerencia a empresa funciona e não dá nenhum gasto adicional para o negócio. Então, por que um micro ou pequeno empresário deve ter um sistema de gestão na sua empresa? Veja abaixo as 07 vantagens de ter uma ferramenta como essa.

 

1. Controle total

Deu para perceber que isso pode facilitar a vida de qualquer empresário, não é mesmo? Afinal de contas, manter-se informado de tudo o que acontece no seu negócio é uma tarefa bastante complicada, mesmo nas microempresas. De acesso simples, um sistema de gestão está sempre ao alcance do microempresário, que não precisa ficar procurando as informações em papéis ou planilhas.

 

2. Comunicação entre departamentos

Mesmo nas microempresas, é importante que um setor saiba o que está acontecendo nas outras áreas, por mais que pareçam distintas. Por exemplo, é preciso que o setor de vendas saiba a situação do estoque a todo instante. Com um sistema de gestão, as informações dessas áreas são atualizadas a todo instante, fazendo com que a comunicação entre esses departamentos seja muito mais eficiente.

 

3. Planejamento financeiro

Anotar as vendas e compras do mês é simples, mas manter o controle dessas informações durante o ano, ou até mais, não é tão fácil. O sistema de gestão vai manter esses dados bem organizados e de fácil acesso, auxiliando no planejamento a curto e longo prazo.

 

4. Evita o desperdício de recursos

Com um sistema de gestão, as informações de todos os setores estão bem detalhadas. Isso é importante porque o financeiro, por exemplo, vai gastar somente com o necessário para a empresa, evitando despesas que afetam a margem de lucro.

 

5. Automatização das tarefas

O controle manual das áreas não requer tanto esforço com um sistema de gestão. Afinal de contas, essas tarefas podem ser automatizadas, como o registro de entrada e saída de dinheiro e emissão de notas fiscais. Isso evita erros e, consequentemente, o retrabalho.

 

6. Aumento da produtividade

Gastando menos tempo atualizando os setores, mantendo o controle da empresa e refazendo trabalhos, os funcionários podem aproveitar melhor seu tempo para realizar funções realmente úteis para o negócio, fazendo até com que eles se sintam mais valorizados.

 

7. Planejamento e melhoria dos setores

Com várias informações disponíveis de todas as áreas, é possível fazer comparações e análises do desempenho delas, para posteriormente, planejar melhorias que façam a empresa crescer. Decisões baseadas em fatos são mais realistas e costumam apresentar um desempenho melhor para o negócio.

 Focada em criar soluções para auxiliar os micro e pequenos negócios, a Super Empresa desenvolve softwares de gestão de empresas que podem te ajudar a crescer mais rapidamente no mercado. Atualmente, possui mais de 2000 clientes, espalhados em mais de 150 cidades. Conheça os serviços oferecidos pela Super Empresa.

WhatsApp
1
Fale com a gente!
Olá podemos ajudar?
Powered by